notícias A candidata presidencial argentina Milei vai à ópera – e recebe aplausos e aplausos

BUENOS AIRES, Argentina (AP) – Aplausos e vivas ao candidato presidencial de direita da Argentina ecoaram com perfeição acústica no lendário Teatro Colón do país, expondo a polarização do país na véspera do segundo turno de domingo.

O público se reuniu na noite de sexta-feira na principal casa de ópera da América Latina, mundialmente famosa por sua acústica, para assistir a uma apresentação de “Madama Butterfly” – mas Javier Milei rapidamente se tornou o evento principal. Um grupo começou a insultá-lo quando ele se sentou ao lado de sua namorada na primeira fila de um camarote.

“Milei, seu merda, você é a ditadura!” Alguns participantes podem ser ouvidos gritando contra o candidato em vídeos nas redes sociais. Ele minimiza o sangrento regime militar argentino de 1976 a 1983, dizendo que o número de vítimas é demasiado elevado. inferior ao que as organizações de direitos humanos há muito afirmamentre outras posições controversas.

Alguns vídeos nas redes sociais também mostraram alguns músicos de orquestra tocando a ‘Marcha Peronista’, hino do partido politico do Ministro da Economia Sergio Massa – van Milei adversário na segunda rodada.

Vídeos que Milei postou no X, antigo Twitter, mostraram outros participantes do teatro com mais de um século aplaudindo-o e pedindo fotos.

“Nunca vi o Colón assim”, disse posteriormente o jornalista Luis Novaresio, que estava no teatro, em entrevista à televisão. Novaresio rejeitou relatos anteriores de que Milei teria sido convidado a sair, dizendo que ele ficaria até o final da ópera em três atos de Giacomo Puccini.

Milei, um admirador declarado do ex-presidente dos EUA, Donald Trump, destruiu o que descreve como uma classe política corrupta. Ele propõe reduzir o tamanho do Estado e controlar a inflação, que subiu para três dígitos segundo a supervisão de Massa.

READ MORE  notícias Teatro Zinzanni | 07/11/2024 | Escolha Chicago

Ele despertou oposição apaixonada de vários setores da sociedade, com muitos o caracterizando como uma ameaça à democracia, e Massa alertou os eleitores que a eleição de Milei significaria o fim da educação pública, dos cuidados de saúde, dos subsídios ao consumidor e dos programas de assistência social. Milei negou isso.

Ambos os candidatos entraram num período de blackout na manhã de sexta-feira, o que significa que não poderão voltar a fazer campanha até depois da votação de domingo. Seja astuta, tortuosa ou coincidente, a atuação de Milei no Teatro Colón colocou-o sob os holofotes em um grande palco diante de uma multidão, muitos dos quais postaram vídeos nas redes sociais.

“Que trabalho lindo, Madama Butterfly”, escreveu Milei na manhã de sábado no X, seguida pelas letras “XD” que significam riso.